O que é Design Sprint e para que serve?

Ideativo Design
Ideativo Design
o que é design sprint

Conheça o que é Design Sprint, os diferentes tipos, para que serve e quais são as vantagens de utilizá-la no seu negócio ou projeto!

A transformação digital veio para revolucionar o mercado de trabalho e cada vez mais as empresas estão percebendo a necessidade de acompanhar essas mudanças. Não importa de qual seja o setor ou porte da empresa, um problema é muito comum: identificar soluções competitivas na velocidade que o mercado exige.

Em um mundo globalizado e interconectado, no qual estamos inseridos no conceito do mundo VUCA, acrônimo em inglês para volatilidade, incerteza, complexidade e ambiguidade, é essencial ter agilidade e eficiência para criar soluções competitivas para seu negócio ou estar preparado para perder espaço e dinheiro no mercado. 

Por isso, trabalhar com a metodologia Design Sprint é perfeita, pois é indicada para lidar com projetos dinâmicos. Mas o que é Design Sprint e pra que serve? Quais são as vantagens para o seu negócio? Descubra agora.

Entenda o que é Design Sprint

O Design Sprint surgiu através de uma experiência que Jake Knapp teve em 2009 quando foi conhecer o trabalho de Serge Lachapelle e Mikael Drugge. Eles tinham a ideia de revolucionar na forma de fazer videochamadas, utilizando um software de videoconferências em que pudesse ser executado em um navegador web, sem precisar fazer downloads.

Jake Knapp durante a aplicação da Design Sprint. Fonte: ​​UX Fólio

Para a criação do protótipo eles contavam com um tempo muito curto, mas a empreitada deu certo! Estamos falando da criação do Google Hangouts que é muito utilizado atualmente.

Foi durante esse período que Jack começou a elaborar uma metodologia que transformasse os processos de criação de produtos. Em parceria com Braden Kowitz, John Zeratsky e Michael Marlis, o Design Sprint foi colocado em prática pela primeira vez em 2012, quando o método foi apresentado para o Google Ventures (GV).

Para que serve a metodologia

O objetivo da metodologia é conseguir diminuir semanas ou até mesmo meses de discussões sobre um projeto para no máximo 5 dias. Para isso, além de agilidade, também é preciso ter uma organização bem estruturada e colaborativa.

Por exemplo, para a criação de um protótipo era preciso meses de discussões e testes. Geralmente o processo levava bem mais tempo no desenvolvimento do que é realizado com a metodologia de Design Sprint, criada pelo Google Ventures. Atualmente, essas etapas de desenvolvimento são divididas em apenas 5 dias, cada um deles focado em uma etapa do processo até a validação da ideia:

  • Dia 1. Entender o problema
  • Dia 2. Divergir
  • Dia 3. Decidir
  • Dia 4. Prototipagem

Etapas de design sprint apresentada no livro “Sprint: o método usado no Google para testar e aplicar novas ideias em apenas cinco dias”. 

Com o Design Sprint é como se fossem eliminadas as etapas de construção e lançamento e, assim, diminui o tempo para alcançar o objetivo. Nesse sentido, uma boa consultoria pode ajudar as equipes e empresas a implementar a metodologia e garantir o sucesso dos projetos.  

Como implementar uma Design Sprint?

Agora que você já sabe o que é Design Sprint e para que serve, está na hora de aprender a como implementar. Embora o objetivo seja agilizar processos, se não tiver uma boa estrutura, além de um trabalho colaborativo, isso não vai dar certo. 

Portanto, para que a metodologia funcione, é preciso durante os 5 dias seguir o seguinte passo a passo:

  • Entendimento;
  • Definição;
  • Divergir;
  • Decidir;
  • Protótipo;
  • Validação.

Só que, para conseguir realizar o passo a passo, nem sempre é possível fazer somente com os integrantes da empresa. É preciso contar com representantes das áreas envolvidas, como: 

  • Product Manager;
  • Engenheiros;
  • UX/UI Designers;
  • Pesquisadores;
  • Especialistas da área;

Para conseguir chegar no objetivo, além de entender qual tipo de DS (Design Sprint) usar, contar com uma consultoria é fundamental. Assim, sua empresa é guiada passo a passo, sem deixar nada para trás e chega ao ponto desejado. 

Aqui na Ideativo, você conta com um equipe especializada que pode te ajudar, confira esse case e saiba mais.

Aproxime a tecnologia das pessoas por meio da aplicação de UX Research!

Quando usar a Design Sprint?

Essa metodologia pode ser usada em qualquer empresa e pode ser utilizada em 4 tipos de situações:

1. Começo de um projeto: Ajuda a entender e definir o produto que a empresa precisa desenvolver para solucionar um determinado problema.

2. Quando o projeto está em andamento: orienta a como lidar e superar problemas que aparecem em alguma etapa do projeto.

3. Aceleração: Quando processos precisam ser agilizados que geralmente poderiam levar mais tempo.

4. Integração de equipes: Alinha os integrantes para garantir que todos estejam bem inteirados com o que está acontecendo para alcançar o objetivo.

Design sprint remota que aconteceu com duas equipes simultaneamente, cada uma focada em um problema específico envolvendo um projeto que visava promover a visualização de dados para gestores de saúde.

Quando se fala em Design Sprint e para o que essa metodologia funciona, é comum muitos pensarem somente no processo de criação de produtos. Mas a metodologia pode ser utilizada de diversas formas, para isso, é preciso conhecer os tipos de Design Sprint.

Conheça os tipos de Design Sprint

Mapeamos 2 tipos de Design Sprint mais utilizados. Conheça abaixo:

Design Sprint de produto

De fato, esse é o tipo original da aplicação da metodologia. Com ele é possível ter ideias como:

  • Criar protótipos clicáveis para poder testar novos fluxos;
  • Jornadas de usuários;
  • Desenvolver soluções para problemas existentes em produtos.protótipos;
  • Aprofundar conhecimentos sobre problemas latentes e criar experimentos rápidos em busca de soluções.
  • Criar conexões entre diferentes pontos de vista em busca de uma solução única.
  • Antecipar possíveis problemas antes do desenvolvimento e implementação.

Design Sprint de processo

O foco é poder otimizar processos organizacionais e pode ser então usado nos mais diversos setores de uma empresa. Dessa forma, trabalhando com a metodologia nesse foco, é possível ter resultados como:

  • Criar e experimentar processos antes da implementação;
  • Criar um fluxo e mapa dos processos;
  • Identificar os stakeholders e em qual momento interagem com o processo;
  • Diferentes setores concordam com um fluxo de trabalho que seja bem fluido.  

Benefícios de aplicar a Design Sprint

Construção do protótipo navegável para a validação com os usuários finais.

Diminuir o tempo de um processo que poderia levar meses até a concepção de um projeto é um benefício e tanto, certo? Mas o DS não se resume a apenas isso! Confira, então, 5 benefícios que sua empresa pode ter ao aplicar a metodologia:

  1. Feedback do usuário: Você testa protótipos com usuários reais e esses feedbacks podem ajudar com mais ideias.
  2. Visibilidade e alinhamento: Com o DS diversas equipes se unem para lidar com o desafio, mas todos estão bem alinhados, ajudando na comunicação além de acelerar da melhor forma o desenvolvimento.
  3. Menos riscos e custos: Quanto menos custos, melhor, não é mesmo? Além disso, mesmo que o a metodologia utilize pouco tempo, isso não significa que o processo é raso, pelo contrário! Tudo é muito aprofundado para evitar riscos.
  4. Promoção de cultura de inovação: Esse tipo de metodologia contribui com a cultura de inovação, refletindo em várias áreas da empresa.
  5. Foco no trabalho: Com pouco tempo para tirar o “projeto do papel” todos ficam mais focados no trabalho, sabendo que não vão precisar de longos períodos de discussões desnecessárias.

Agora que você já sabe o que é design sprint e as vantagens que seu negócio pode ter ao utilizar a metodologia, que tal dar o próximo passo?


E-book gratuito
do Design Sprint

Baixe o e-book com o passo a passo e as ferramentas necessárias para aplicar o Design Sprint agora mesmo!


Se precisar de ajuda ou queira saber mais sobre cada um de nossos serviços e os resultados que podemos atingir é só mandar uma mensagem. Então, bora falar com a gente?

Curtiu? Deixe sua avaliação

É só um clique 😉

Média da classificação 5 / 5. Número de votos: 4

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Gostou? Então, cadastre-se para receber nossos conteúdos​

Conteúdos recentes

Minha conta